O que Vender na Internet? 83 Ideias Para a sua Loja Virtual

Última atualização em 26 de novembro de 2021 por Felipe Vannucci

O que vender na internet é uma dúvida recorrente em meio a forte alto do Ecommerce nos últimos meses, não é mesmo? E é verdade: sem dúvida, o Ecommerce é uma excelente oportunidade para quem quer começar um negócio. Ao optar por investir nas vendas online de produtos, os empreendedores contam com vantagens incríveis, como:

  • Baixo investimento inicial;
  • Possibilidade de começar de dentro de casa e sem equipe
  • Chance de iniciar o negócio paralelamente ao emprego atual
  • Loja “aberta” 24 horas por dia, 7 dias por semana;
  • Vendas que podem ser feitas para o país (ou mundo) inteiro.

Por isso, não é raro que diversas pessoas se interessem em vender pela internet… 

Mas, até aí, tudo bem… 

A questão mesmo é quando uma nova pergunta começa a permear a cabeça dos futuros empresários:

Afinal, o que posso vender na internet?

Acredite, milhares de empreendedores também já se perguntaram quais são produtos que têm potencial para serem mais lucrativos no Ecommerce…

Para acabar de vez com essa dúvida, preparamos uma super lista com 67 sugestões de produtos para você vender online!

Ficou curioso? É só acompanhar os próximos tópicos…

o-que-vender-na-internet

O que Vender na Internet?

Basicamente, você pode vender QUALQUER COISA na internet. Desde produtos a serviços…

Mas algo super importante nesse sentido é você ter uma identificação com a sua escolha. Isto é, com o que você vai vender online. Principalmente porque o seu negócio vai fazer parte do seu dia a dia…

Imagine você criar um empreendimento do zero, mas gostar pouco ou nada do produto que você comercializa? Não faz muito sentido, certo?

Por isso, na hora de definir o que vender na internet, pense nisso: é preciso ter uma ligação ou identificação com o que será comercializado na esfera digital. 

Agora, vamos a algumas dicas sobre o que vender na internet? 

Produtos para Vender na Internet

Não é surpresa que o Ecommerce esteja em pleno crescimento. Os dados do Webshoppers 44, por exemplo, apontam o faturamento de R$ 53,4 bilhões nas vendas online no Brasil durante o 1º semestre de 2021

Isto significa que o Ecommerce atingiu um patamar histórico no país.

Ou seja, isso só reforça o quanto o segmento é perfeito para quem quer empreender e está buscando o que vender na internet…

Assim, agora que você entendeu como está o mercado de Ecommerce atualmente, vamos a lista dos produtos:

1 – Roupas fitness para malhar;

2 – Roupinhas para bebês;

3 – Perfumes importados;

4 – Cosméticos orgânicos;

5 – Suplementos para emagrecimento;

6 – Marmitas fitness congeladas;

7 – Móveis planejados;

8 – Quadros decorativos;

9 – Peças de decoração para casas e apartamentos;

10 – iPhones seminovos;

11 – Livros de autoajuda;

12 – Livros voltados para concursos públicos;

13 – Livros voltados para cursos específicos de graduação;

14 – Artigos esportivos;

15 – Cervejas artesanais;

16 – Vinhos;

17 – Autopeças;

18 – Salgadinhos congelados;

19 – Calçados femininos;

20 – Calçados infantis;

21 – Artigos para enxoval;

22 – Camisetas de filmes e séries;

23 – Artigos para motociclistas;

24 – Instrumentos musicais;

25 – Moda masculina jovem;

26 – Moda masculina social;

27 – Acessórios masculinos de luxo;

28 – Anéis femininos;

29 – Relógios femininos;

30 – Almofadas personalizadas;

31 – Pôsteres emoldurados;

32 – Capas personalizadas para galões de água;

33 – Artigos decorativos para bares;

34 – Doces;

35 – Auto Peças para carros de luxo;

36 – Vestidos de luxo;

37 – Moda plus size;

38 – Artigos para pesca;

39 – Artigos para ciclistas;

40 – Peças de bike;

41 – Incensos;

42 – Narguilé e artigos relacionados;

43 – Óculos de sol;

44 – Camisetas de bandas;

45 – Relógios masculinos;

46 – Câmeras fotográficas;

47 – Artigos para fotógrafos;

48 – Pinturas para decoração de casas e apartamentos;

49 – Bolsas femininas;

50 – Suprimentos de informática;

51 – Moda praia;

52 – Videogames;

53 – Acessórios para gamers (mouse, fones especiais etc);

54 – Óculos artesanais;

55 – Lingeries;

56 – Artigos de sex shop;

57 – Mochilas masculinas de couro;

58 – Papelaria;

59 – Material escolar;

60 – Chinelos personalizados;

61 – Sabonetes e cremes artesanais;

62 – Lembrancinhas para chá de bebê;

63 – Bombons e trufas;

64 – Artigos para surfistas;

65 – Bolsas femininas de luxo;

66 – Cosméticos masculinos importados;

67 – Bolsas masculinas;

68 – Acessórios para dispositivos móveis;

69 – Itens de viagem e turismo (bolsas, estadias em hotéis e passagens;

70 – Cursos online;

71 – Semijoias e Bijuteria;

72 – Meias;

73 – Acessórios para Jardinagem;

74 – Utensílios de cozinha;

75 – Produtos para pets;

76 – Velas artesanais;

77 – Artigos de artesanato feitos de crochê e tricô;

78 – Chaveiros;

79 – Produtos sustentáveis e ecologicamente corretos;

80 – Copos térmico;

81 – Acessórios para cabelo;

82 – Eletrodomésticos;

83 – Produtos Geek.

Uma lista longa, não é mesmo? 

Descobrir qual produto vender online é uma das primeiras etapas a serem seguidas por quem quer ser dono do próprio negócio na internet…

Mas é apenas uma das etapas a ser seguidas por quem está decidido a trabalhar no Ecommerce.

Na verdade, é o ponto de partida para desafios ainda mais “arrojados”, como elaborar o planejamento inicial do negócio, como achar bons fornecedores e mapear a persona do seu negócio…

Mas, para não misturar as informações, vou te dar uma ajudinha extra em relação à escolha de produtos. Dá só uma olhada…

Como Saber se há Demanda Para o Produto Escolhido?

É CRUCIAL que você descubra se há um bom volume de buscas para o produtos que você decidiu vender online…

Como fazer isso? 

Um forma simples de avaliar a demando por determinados produtos é usando o Planejador de Palavras-Chave do Google Ads. Nele, você consegue pesquisar palavras-chave e identificar o volume médio mensal de buscas desses termos no Google. Em resumo: se tiver buscas, significa que tem demanda…

Mas fique atento: os nichos com muito volume de pesquisa são um bom sinal, mas nem tanto, pois podem já estar dominados por outras empresas.

Então, para complementar isso, uma boa pedida é também usar o Google Trends, uma excelente ferramenta para busca de produtos. E gratuita!

O serviço da Google mede a tendência de buscas na internet, fazendo um comparativo entre os produtos ofertados no mercado…

Basta você acessar o site, escrever o segmento ou nicho no qual quer empreender e clicar em “pesquisas”. Logo depois vai aparecer na sua tela, em formato de gráfico, o comportamento das buscas para esse produto. 

Como Vender Mais na Internet?

Após tantas sugestões de produtos em mente, é hora de tratar de um assunto tão importante para o seu Ecommerce quanto escolher o que vender na internet.

Já parou para pensar em como alavancar o volume de vendas do seu negócio?

Assim como no varejo físico, no mundo digital há técnicas específicas que são de grande importância para fazer você faturar alto durante todo o ano. Veja algumas dicas que podem te ajudar nesse sentido:

1 – Organize Sua Loja Virtual Após Escolher o Que Vender na Internet

Todo cliente se sente mais confortável ao acessar uma loja virtual organizada. O quesito estrutura e organização são significativos e influenciam muito no desempenho do negócio…

Por isso, aposte em uma página de aparência leve, fácil acesso e sem informações exageradas. Experimente manter a sua loja otimizada para aumentar as chances de conversão de vendas. Essa é uma etapa muito importante que vem logo depois de escolher o que vender na internet.

Lembre-se também de criar descrições completas e detalhadas para os produtos, bem como utilizar as melhores fotos para anunciar seus produtos. Acredite, essas sugestões fazem toda a diferença na vida de quem vende online…

2 – Saiba Tudo Sobre Marketing Digital 

Na prática, todo lojista precisa ter em mente como funcionam as estratégias de marketing digital, especialmente as técnicas de SEO. Em resumo, é recomendado:

  • Criar um blog para a sua loja virtual com conteúdo relevante;
  • Utilizar palavras-chave relacionadas ao seu negócio que estejam em alta;
  • Apostar em conteúdo estratégico para redes sociais;
  • Criar parcerias com outras empresas e influenciadores digitais.

Vale lembrar que nem tudo precisa acontecer de forma repentina, ou seja, conforme a sua loja virtual for crescendo, você pode implementar outras iniciativas ainda mais desafiadoras. 

Fora isso, não tem jeito: saiba que ter um Ecommerce e investir em tráfego orgânico (além do pago, claro) torna tudo mais fácil na hora de atrair mais clientes para o seu negócio online. 

3 – Ofereça Atendimento em Diversos Canais 

O empresário não pode esquecer que os consumidores estão por toda parte. Na verdade, os compradores estão em praticamente todas as redes sociais mais usadas no Brasil.

Logo, ter apenas um canal de comunicação para atender as pessoas não é o suficiente! Prova disso é que muitas empresas oferecem uma variedade de opções aos consumidores como:

De forma geral, a tarefa de diversificar os canais de atendimento definitivamente não pode ficar de fora das tarefas dos lojistas. E mais do que isso…

Um relacionamento com o cliente duradouro pode trazer diversos benefícios como a possibilidade de aumentar a recorrência, fidelizar os compradores e ainda reduzir as reclamações sobre o seu negócio

4 – Tenha uma Loja Virtual com Versão Para Celulares

Saiba que a visualização de uma loja no desktop não é adequada para celulares devido à dimensão da tela. Algo que precisa estar no radar de quem vende online atualmente…

Para você ter uma ideia de como esse fator é importante, as vendas feitas em smartphones, também conhecidas como M-commerce, cresceram 28,4% no 1º semestre deste ano, atingindo R$ 28,2 bilhões, segundo o relatório Webshoppers 44.

Assim, em meio à popularização dessa forma de se adquirir produtos online, não tem jeito: a sua loja virtual precisa estar acessível para todos os compradores que preferem comprar por esse tipo de aparelho. O ideal é que o seu negócio seja compatível com a maioria dos dispositivos eletrônicos.

Assim, você aprimora a jornada de compra dos consumidores e ainda conquista a satisfação deles. Isto é, situações que colaboram com o sucesso do seu negócio e ainda podem alavancar o volume de vendas.

Na prática, todas as medidas acima ajudam na reputação do seu Ecommerce, permitindo que os empreendedores aproveitem as oportunidades de venda e fiquem à frente da concorrência!

Agora, anote todas as recomendações e considere implementá-las no seu empreendimento. Com elas, você pode começar a planejar hoje o seu negócio digital e também conquistar um alto faturamento no final do mês.

Gostou das dicas sobre o que vender na internet? Então, inscreva-se AGORA MESMO em nossa newsletter para receber mais artigos como este! É só clicar no box abaixo.

RECEBA CONTEÚDO EXCLUSIVO NO SEU EMAIL (GRÁTIS)

Inscreva-se gratuitamente e receba as Principais Notícias do Mercado no seu e-mail toda semana!

Mais Lidas

Confira outros conteúdos:

Artboard 2 copy 2

O Ecommerce de Sucesso é um portal de informações sobre o Mercado de Ecommerce. Aqui são abordadas notícias e informações sobre os assuntos Economia, Marketing, Comércio Eletrônico, Varejo, Negócios, Mercados, Política e Tecnologia. Conteúdo independente interpretado com a visão dos nossos especialistas.

ECOMMERCE DE SUCESSO © 2020.