O que é Ecommerce: Tudo o que Você PRECISA Saber

Sim, “o que é Ecommerce” é uma dúvida que ainda permeia a mente de muitos curiosos e empreendedores interessados no setor. Principalmente nos últimos meses, com a alta avassaladora do Ecommerce, está cada vez mais difícil ignorar seu potencial para ALAVANCAR negócios

Se você está acompanhando o segmento de varejo – aliás, o mercado em geral – deve ter percebido o quanto os hábitos de compra das pessoas estão mudando, não é mesmo?

A verdade é que compras online já vinham apresentando um crescimento significativo nos últimos anos. Mas, nos últimos meses, não teve jeito: o Ecommerce teve um verdadeiro BOOM no gosto dos consumidores

Diante de todo esse cenário positivo, nada mais coerente que conhecer a fundo o que é Ecommerce, como o setor funciona, suas vantagens para os empresários e tantos outros pontos cruciais, certo?

É o que vamos fazer ao longo deste artigo! Então, se você quer saber TUDO sobre Ecommerce, basta acompanhar os próximos tópicos…

o-que-e-ecommerce

O que é Ecommerce?

Ecommerce é a abreviação do termo em inglês electronic commerce (em português, comércio eletrônico). Isto é, diz respeito ao processo de compra e venda que é todo feito no ambiente digital. 

Assim como no varejo físico, no Ecommerce são vendidos os mais variados tipos de produtos…

A única diferença é que não existem lojas físicas ou shoppings centers. Tudo acontece no âmbito digital

Isso não significa que quem vende online não pode ter um espaço físico ou vice-versa. O fato é que, hoje, é totalmente possível ter um negócio online sem ter uma loja física. Mas o contrário disso, no entanto, tem ficado cada vez mais complicado de acontecer. Mas vamos falar sobre isso mais adiante…

Por ora, é preciso ressaltar que de alguns anos para cá, o Ecommerce vem conquistando cada vez mais espaço no gosto dos consumidores, principalmente pela facilidade de comprar um item em poucos cliques e o receber na porta de casa…

Diante disso, não há como negar: o Ecommerce se tornou o ambiente perfeito para os empreendedores!

Na prática, o comerciante pode vender qualquer coisa, desde produtos físicos até os mais variados serviços. E o melhor de tudo: com todo o processo feito pela internet, ou seja, tanto a venda como o pagamento. 

Contudo, como mencionamos anteriormente, o setor teve uma alta avassaladora nos últimos meses devido ao isolamento social causado pela pandemia do Covid-19…

Panorama Atual Sobre o Setor de Ecommerce

Sim, o crescimento do Ecommerce tem sido absurdo

Só para você ter uma ideia, de acordo com o relatório Webshoppers 42, só no 1º semestre de 2020, o setor teve uma teve uma expansão de 40% no número de usuários, totalizando 41 milhões.

Além disso, houve uma alta de 47% no faturamento do Ecommerce, chegando a 38,8 bilhões, impulsionada por salto de 39% no número de pedidos realizados, totalizando 90,8 milhões.

Mas não só isso…

Os últimos meses foram marcados por verdadeiros recordes no setor. O mês de julho foi considerado o 3º melhor mês da história do Ecommerce, atingindo 1,29 bilhões de acessos em sites de venda…

Além disso, algumas datas comemorativas registraram os seguintes números:

  • Dia dos Pais: R$ 3,5 bilhões, representando uma alta de 41% em relação ao ano passado, que teve um total de R$ 2,5 bilhões;
  • Dia das Crianças: 3,1 bilhões em vendas online, atingindo uma alta de 28% em comparação a mesma data no ano passado;
  • Black Friday: R$ 4 bilhões, sendo 25,1% superior a edição de 2019.

Ou seja, o Ecommerce está tendo um verdadeiro BOOM nas vendas. E o melhor de tudo é que esse cenário animador só tende a continuar, como vamos explicar mais adiante… 

Agora, vamos entender melhor como é o funcionamento do Ecommerce?

Como Funciona o Ecommerce

Para entender como funciona o Ecommerce é preciso esclarecer a diferença entre Ecommerce e Loja Virtual

Sim, muitas pessoas confundem esses dois termos e não há problema nisso. Nós vamos esclarecer essa questão rapidamente…

Como vimos, o Ecommerce diz respeito a todo o setor de comércio eletrônico. Já a loja virtual, é o site ou o portal em que acontecem todas as vendas de um negócio digital. 

Só isso. Viu como é simples?

Entendido isto, agora podemos aprofundar no funcionamento do Ecommerce…

Existem algumas etapas básicas que fazem um Ecommerce funcionar. São elas: 

  1. Anúncio dos produtos em uma plataforma;
  2. Recebimento de pedidos;
  3. Processamento e preparo do pedido;
  4. Envio para os clientes. 

Ou seja, o Ecommerce funciona de forma bem parecida a uma loja física, não é mesmo? Mas boa parte do processo e o contato com os clientes são online!

Assim, agora que você já sabe o que é Ecommerce, compreendeu um pouco mais sobre o cenário atual do setor, e como ele funciona na prática, está na hora de conhecer os tipos de Ecommerce. Dá só uma olhada…

Tipos de Ecommerce

Basicamente, existem 3 tipos de categorias de Ecommerce no país:

  • B2C (Business to Consumer): é quando fabricantes, revendedores ou varejistas criam realizam vendas online diretamente para os consumidores finais
  • B2B (Business to Business): nesta categoria, fabricantes ou distribuidores vendem unicamente para empresas.
  • C2C (Consumer to Consumer): aqui, as pessoas físicas cadastram seus produtos em sites e vendem para outras pessoas. É como acontece nos marketplaces, como OLX, Enjoei etc. Uma boa alternativa para começar a vender sem precisar investir.

Dito isto, já deu para perceber que a escolha do tipo de Ecommerce vai depender do que você deseja para o seu negócio…

Mas, independentemente disso, se você ainda tem dúvidas se vai ao não trabalhar no setor, é bom ter em mente que existem benefícios bem atraentes…

Vantagens do Ecommerce

Uma das principais vantagens de se ter um negócio digital é a facilidade em atingir e trabalhar com o seu público. Isto é, de forma segmentada e direcionada, sem desperdiçar oportunidades de vendas com quem não está interessado nos seus produtos.

E mais do que isso…

Ter uma loja virtual implica em:

  • Investimento inicial baixo;
  • Funcionamento 24h;
  • Comodidade;
  • Baixo gasto com manutenção.

Na prática, é perfeito para os negócios, principalmente porque o cliente pode fazer compras de qualquer lugar, na hora que ele quiser. Tudo de maneira rápida e prática. 

Isso tudo se a loja virtual estiver bem estruturada, claro… 

Elementos Cruciais de um Ecommerce

O processo de criação de um Ecommerce vai além do planejamento financeiro. Isto é, você precisa ficar atento a aspectos técnicos cruciais, como:

Plataforma de Ecommerce

Se você não sabe, tenha em mente que ter uma plataforma de Ecommerce é o que vai te auxiliar no gerenciamento de todo o seu negócio.  

Isto é, ela te permite centralizar todos os processos do dia a dia, desde o marketing até todas as etapas das vendas.

Quando você escolher a sua, pense em pontos, como:

Para te ajudar nisso, há algumas boas opções no mercado como a wBuy, Nuvemshop, Loja Integrada etc. 

Hospedagem do seu Site

Não adianta pensar em vender pela internet sem ter um site, não é mesmo? Isso é o básico…

Para ter o site do seu Ecommerce, você precisa comprar uma hospedagem, ou seja, alugar um espaço para hospedar o seu site

Assim, todos os elementos do seu site ficarão armazenados em um servidor para assim ser visualizado online pelos seus clientes.

Layout do seu Site

O site da sua empresa precisa ter a identidade da marca. Logo, você precisa fazer um bom layout, que represente bem o seu negócio.

A ideia é o cliente bater os olhos no layout e já reconhecer a sua marca, entende?

Por isso, pense bem nas cores e fontes que serão utilizadas e, claro, na logomarca que vai simbolizar a sua identidade visual.

Meios de Pagamento

Pense assim, quanto mais formas de pagamento você disponibilizar para os seus consumidores, mais oportunidades de vendas o seu negócio terá

As opções mais usadas no mercado hoje, são:

  • Cartão de crédito;
  • Cartão de débito;
  • Boleto bancário;
  • Transferência;
  • Intermediadores;

Sobre as transferências, não deixe JAMAIS de considerar o Pix

Para você ter uma ideia, hoje, o novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central já é responsável por 78% de todas as transações bancárias realizadas no país

Formas de Envio

Acredite, toda a logística de entrega é fator crucial para o bom funcionamento de um Ecommerce…

Assim, você pode realizar envios dos pedidos das seguintes formas:

  • Correios;
  • Melhor Envio;
  • Frete com transportadoras;
  • Entrega com veículo próprio;
  • Entrega com motoboy;
  • Retirada no local.

Pense nas opções que mais se encaixam ao seu negócio e invista em um serviço de qualidade…

Porque se você atrasar a entrega de uma encomenda ou enviar produtos que foram danificados ao longo do caminho, certamente você vai receber uma reclamação daquelas do seu cliente. E isso não é bom para nenhum negócio, certo?

Sistemas de ERP

Não tem muito como fugir: quando se monta um negócio online, é preciso ter um sistema que te ajude a fazer toda a gestão. 

Mas como isso funciona na prática?

Simples: use um software que otimiza processos como o anúncio em mais de um canal de venda, emissão e inclusão de notas, reunião de pedidos e etc. 

Dessa forma, centralizar todas essas tarefas vai te ajudar a ganhar mais tempo para pensar em outros aspectos importantes para o seu negócio, como as estratégias de venda, por exemplo. 

Com todas essas informações em mãos, vamos a pergunta que não quer calar…

Vale a Pena ou Não Montar um Ecommerce?

Bem, acho que já deixamos bem claro o quanto o setor vem crescendo ao longo dos últimos meses…

E mais do que isso…

Hoje, é importante ressaltar que hoje o Ecommerce não representa só uma excelente opção para quem quer começar um negócio pela internet…

Mas também a oportunidade para quem já vende no varejo físico e PRECISA migrar para o online. 

Sim, a realidade hoje é essa: a da necessidade de os negócios físicos também atuarem no ambiente digital. Depois de um período com um alto índice de fechamento de lojas no início da pandemia, as empresas que não estão investindo na digitalização estão ficando para trás!

Prova disso é que, de acordo com pesquisa feita pela Scape Report E-commerce 2020/2021, produzida pela Pipeline Capital, a alta no número de empresas no Ecommerce tem sido muito forte…

Ao todo, o estudo indica que o setor está sendo atendido por 598 empresas!

Assim, o levantamento aborda um mapeamento a respeito das principais startups e empresas que atuam no Ecommerce no Brasil hoje. E isso engloba diversas áreas. Mais precisamente: 9 categorias…

Fora o aumento de 20% no número de cadastros MEI. Ao todo, foram 600 mil novos cadastros de MEI em todo o país… 

Diante disso, não há como negar: o Ecommerce tem se apresentado como um setor em plena expansão e altamente dinâmico!

Acredite, dá para vender qualquer coisa pela internet. Basta ter as estratégias e direcionamentos certos para isso acontecer. 

Gostou do artigo? Para não perder essas e outras dicas, inscreva-se AGORA MESMO em nossa newsletter e receba mais artigos como este! É só clicar no box abaixo.

RECEBA CONTEÚDO EXCLUSIVO NO SEU EMAIL (GRÁTIS)

Inscreva-se gratuitamente e receba as Principais Notícias do Mercado no seu e-mail toda semana!

Mais Lidas

Confira outros conteúdos:

Artboard 2 copy 2

O Ecommerce de Sucesso é um portal de informações sobre o Mercado de Ecommerce. Aqui são abordadas notícias e informações sobre os assuntos Economia, Marketing, Comércio Eletrônico, Varejo, Negócios, Mercados, Política e Tecnologia. Conteúdo independente interpretado com a visão dos nossos especialistas.

ECOMMERCE DE SUCESSO © 2020.