Grupo Soma Fecha Acordo de Compra com a NV. Entenda!

Última atualização em 28 de outubro de 2020 por Maria Alice Medeiros

A compra de empresas como forma de expandir a participação no mercado é prática bem comum no varejo. Isto é, para aumentarem seu alcance e faturamento, varejistas acabam adquirindo empresas que tem um forte potencial para alavancarem os negócios. A recente compra da NV pelo Grupo Soma é um forte exemplo disso. 

Diante disso, um fato é verdade: a ampliação da atuação no mercado através da compra de companhias tem acontecido com grande frequência

Recentemente, a Arezzo anunciou a aquisição da Reserva, uma das mais famosas marcas de moda do Rio de Janeiro. A transação foi celebrada em uma quantia milionária: R$ 715 milhões. Mas não só isso…

O Grupo Arezzo&Co é uma das principais concorrentes do Grupo Soma. E isso, claro, chamou a atenção do mercado quando, dias depois da aquisição da marca carioca pela Arezzo, o Grupo Soma anunciou o fechamento de um acordo de compra da MV, uma das empresas do setor que mais tem crescido nos últimos meses…

Ao longo deste artigo, vamos explicar os detalhes do acordo de compra: os valores, os motivos determinantes para o acordo etc. Antes disso, vamos conhecer melhor a empresa que será adquirida pelo Grupo Soma, a NV.

grupo-soma
(Crédito: Instagram Nati Vozza)

Quem é a NV?

Uma marca que nasceu e se desenvolveu na internet…

A NV by Nati Vozza foi criada pela influenciadora digital Nati Vozza e seu sócio, Antônio Carlos Brandt, em 2010. De lá para cá, a empresa abriu 5 lojas físicas em São Paulo, e manteve uma forte estratégia direcionada às vendas via Ecommerce. 

Entre os clientes da marca estão as pessoas com um alto poder aquisitivo, que pagam um preço médio de R$ 730 por cada peça da NV.

Nos últimos anos, a marca teve um salto em sua receita que não passou despercebido pelo mercado…

De R$ 3 milhões, em 2016, para R$ 98 milhões em 2019. 

E mais:

Para 2020, é estimado que a NV tenha um faturamento de R$ 170 milhões.

Diante de todo esse cenário positivo, é inegável que a presença da influenciadora na divulgação da marca tem sido algo crucial para o sucesso da marca…

Hoje, a Nati Vozza tem cerca de 1 milhão de seguidores em seu instagram e o perfil da NV na rede social tem 460 mil seguidores. E quem acompanha o universo das vendas online sabe bem o peso que isso tem para os negócios…

grupo-soma
(Crédito: Nati Vozza – Instagram Oficial da NV – @bynv)

Isto é, os influenciadores expõem diariamente suas rotinas e estilo de vida, o que instiga a audiência e, consequentemente, aumenta significativamente as vendas das marcas – inclusive as próprias, como o caso da Nati Vozza. 

Desse modo, o crescimento da NV by Nati Vozza foi tanto que chamou a atenção de um dos maiores grupos de moda do varejo brasileiro…

Grupo de Moda Soma faz Acordo de Compra com NV por Mais de R$ 10 Milhões

Em fato relevante divulgado na última segunda-feira (26), o Grupo Soma, dono de marcas como Farm, Animale, Maria Filó e Cris Barros, anunciou a assinatura de um acordo para a compra da NV by Nati Vozza.

O valor da transação está estipulado em R$ 210 milhões, estando sujeito a ajustes que serão citados nos documentos que efetuarão a operação. E o pagamento será feito parte em dinheiro e parte em ações. 

Lembrando que a conclusão do negócio depende de uma auditoria para apurar as finanças da NV e da aprovação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica)…

Assim, com a aquisição, o Grupo Soma passa a ser detentor das empresas do conglomerado: ByNV Comércio Varejista de Artigos de Vestuário, NV Comércio e Serviço, NV Loja Comércio de Roupas e Acessórios e NV Logística, Transporte e Armazenagem…

grupo-soma
(Crédito: Imagem Site Oficial NV by Nati Vozza)

Entretanto, os sócios permanecerão na operação na marca

Em live realizada no instagram, Nati Vozza disse que inicialmente a ideia de vender a NV estava completamente descartada: “Não estou à venda”, conta a blogueira. 

Contudo, em meio à pandemia, o crescimento da marca e alta do Ecommerce de forma geral, não teve jeito, os sócios decidiram começar a conversar com o Grupo Soma…

A partir de alguns encontros e negociações, a decisão estava tomada: a venda da NV para o Grupo Soma era algo que estava certo de acontecer. 

Contudo, a dupla de sócios deixou bem claro que a marca não vai mudar. E, sobre isso, Antônio Brandt ressalta:

A NV vai continuar sendo NV, assim como a Farm não deixou de ser a Farm depois de ser comprada pelo Grupo Soma”, disse. 

Aliás, essa era uma das suas preocupações da Nati Vozza sobre fechar ou não o acordo…

Saibam, do fundo do coração de vocês, que essa fusão é só para trazer coisas boas, agregar, crescer. A NV vai continuar sendo a NV (…) É clichê, mas o Grupo Soma só veio para somar”, reforça Nati Vozza.

Diante disso, fica claro que o acordo de compra beneficiará ambas empresas…

Mas, em meio a esse contexto, alguns fatores foram decisivos para o Grupo Soma apresentar a proposta de compra…

Por que o Grupo Soma Comprou a NV?

Entre os motivos que levaram o Grupo Soma a fazer negócios com a NV, com certeza, está o crescimento exponencial da marca nos últimos anos

Mas não só isso…

A forte presença digital da NV foi outro fator determinante para o fechamento do acordo. 

“O objetivo da transação é aportar ferramentas tecnológicas a uma impressionante audiência conquistada organicamente pela NV nos meios digitais. A marca conta hoje com apenas 5 lojas físicas e uma surpreendente venda por metro quadrado”, afirma o Grupo Soma em nota. 

Assim, todo o potencial digital da marca foi decisivo para os negócios… 

Principalmente quando analisado o futuro do varejo de moda no país. Ou seja, toda a força que as vendas online estão conquistando ao longo dos últimos meses e como todo esse cenário animador deve continuar acontecendo futuramente…

Diante disso, a companhia de moda brasileira deixa bem claro para todo o mercado que não vai perder tempo quando o assunto for ampliar o seu alcance no varejo de moda…

O recente IPO do Grupo Soma reforça bem essa ideia…

Com a abertura de seu capital em julho, a companhia levantou mais de mais de R$ 1,8 bilhão. E entre as ações definidas para esse montante estava a aquisição de novas marcas, por exemplo.

Junto a isso, a decisão de comprar a NV aconteceu dias depois de uma de suas maiores concorrentes, a Arezzo, ter anunciado a aquisição da Reserva. 

Ou seja, o varejo está mudando, crescendo…

E as líderes do setor, obviamente, estão de olho nisso tudo. O foco das companhias é manter atenção total ao digital… E, ao que tudo indica, parece que tem dado certo.

RECEBA CONTEÚDO EXCLUSIVO NO SEU EMAIL (GRÁTIS)

Inscreva-se gratuitamente e receba as Principais Notícias do Mercado no seu e-mail toda semana!

Mais Lidas

Confira outros conteúdos:

Artboard 2 copy 2

O Ecommerce de Sucesso é um portal de informações sobre o Mercado de Ecommerce. Aqui são abordadas notícias e informações sobre os assuntos Economia, Marketing, Comércio Eletrônico, Varejo, Negócios, Mercados, Política e Tecnologia. Conteúdo independente interpretado com a visão dos nossos especialistas.

ECOMMERCE DE SUCESSO © 2020.