Arezzo Compra Participação em Famoso Brechó Online

Última atualização em 14 de julho de 2021 por Felipe Vannucci

A Arezzo parece não querer perder tempo na hora de expandir sua participação no ambiente digital. Após comprar uma grande marca do Rio de Janeiro, agora o grupo liderado por Alexandre Birman foi mais além: apostou no segmento de peças de segunda mão. 

Muitas pessoas podem até pensar que esse setor não é um bom investimento, mas elas estão enganadas…

De acordo com uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), 6 em cada 10 consumidores adquiriram algum item de segunda mão entre 2018 e 2019. E cerca de 96% dessas pessoas ficaram satisfeitas com suas compras…

Por isso, fica a cada dia mais claro: os brechós online são uma verdadeira tendência e sucesso entre os consumidores online. 

E não foi à toa que a Arezzo apostou nessa iniciativa…

Ao longo deste artigo, vou apresentar todos os detalhes sobre a nova aquisição da Arezzo, e explicar um pouco mais sobre os planos da empresa para o varejo. Veja!

arezzo
(Imagem: Divulgação)

Arezzo Compra Parte da TROC

O grupo Arezzo&Co, que controla marcas como Schutz, Alexandre Birman, Vans e outras, anunciou a compra de 75% da TROC, brechó online criado em 2017 pela empresária Luanna Toniolo.

A empresa é famosa no ambiente digital, principalmente no setor de second hand (ou, em português, “segunda mão”). E entre os produtos comercializados em sua plataforma estão: roupas, bolsas, calçados e acessórios…

Na prática, a TROC se responsabiliza pelas seguintes etapas da venda dos produtos:

  • Curadoria;
  • Cadastro;
  • Precificação;
  • Venda.

Sendo que as entregas ou a retirada em domicílio são responsabilidade dos usuários inscritos na plataforma. 

(Imagem: Site da TROC)

Assim, com a aquisição, a Loja Arezzo definitivamente faz a sua estreia neste mercado de itens usados…

A estratégia da Arezzo fez muito sentido, principalmente porque o segmento de revenda de peças usadas está em plena ascensão…

Para você ter uma ideia, até o 2029, o setor deve atingir cerca de R$ 31 bilhões.

Mas não só isso…

A compra da TROC também oficializa a operação da ZZ Ventures, empresa designada pela Arezzo para promover a captação de startups de diversas áreas como forma de expansão no digital. 

Assim, a TROC continua com os seus clientes já fidelizados e, de quebra, agora também contará com os consumidores da Arezzo.

Na verdade, vai funcionar como uma troca…

Como Vai Funcionar a TROC Dentro do Site Arezzo

O brechó fará parte do Ecommerce da Arezzo Online, a ZZ Mall…

Diante disso, a incorporação significa que os clientes terão a chance de vender seus produtos em uma das maiores empresas de moda no país…

E, ao final de cada venda, o cliente terá 3 opções para receber pelo produto vendido:

  • Créditos (para serem trocados por produtos de quaisquer marcas presentes no marketplace da Arezzo);
  • Doação para instituições carentes (apenas para as já cadastradas na TROC);
  • Transferência da quantia para conta bancária. 

Além disso, a criadora da marca, Luanna Toniolo, segue no comando da TROC, que vê a empresa como uma oportunidade de crescimento dentro do mercado:

“Nos tornarmos um selo verde dentro da Arezzo&Co e isso nos permite pensar ainda maior. É tornar real a possibilidade elevar propósito da TROC. Juntos quebramos paradigmas e iniciaremos um novo ciclo na indústria da moda brasileira, construindo um futuro mais sustentável”, afirma a empresária. 

Assim, diante disso tudo, a Arezzo reforça as estratégias lançadas para uma nova fase do grupo…

A Nova Aposta da Arezzo

A Arezzo tem mostrado ao mercado uma mudança de postura há algum tempo…

A companhia brasileira, é uma das primeiras a apostar no Resale, que nada mais é do que a revenda de produtos já utilizados

Na verdade, é um movimento forte sobre o consumo consciente, que vem ganhando cada vez mais força no varejo. Isto é, evita desperdícios e tem, como foco principal, atenção às questões sociais e do meio ambiente. 

 Mas não só isso…

Em outubro, o grupo anunciou a compra de uma das mais famosas marcas de moda do Rio de Janeiro, a Reserva.,,

O acordo foi aprovado pelo Conselho de Administração do Grupo e definiu, entre os principais termos, que o valor de mercado da Reserva é de R$ 715 milhões…

Desse total, R$ 225 milhões foram pagos pela Arezzo em dinheiro e o restante em ações.

Ou seja, a Arezzo foi mais uma empresa do varejo a apostar pesado na aquisição de empresas como força de ampliar sua atuação no mercado…

A compra da TROC, por exemplo, reforça ainda mais essa estratégia. 

Sobre isso, Alexandre Birman, CEO da Arezzo, enaltece o DNA empreendedor da empresa e afirma que a chegada da TROC vai alavancar as vendas dos empreendedores:

“A aquisição da TROC marca essa nova fase do grupo Arezzo&Co e, também, estamos expandindo nossa atuação para um dos segmentos mais relevantes da nova economia – a moda de segunda mão -, que além de ser um negócio consciente e de baixo impacto ambiental, é uma tendência global” ressalta.

Sendo assim, a Arezzo se torna um importantes player para os vendedores que também querem apostar na revenda de produtos…

O setor de moda vem demonstrando um crescimento vertiginoso – mesmo em meio à pandemia -, e isso definitivamente não pode ser desconsiderado por quem vende online. 

O foco agora é apostar nos produtos de segunda mão! 

Gostou da notícia? Para não perder essas e outras informações sobre o mercado de Ecommerce, inscreva-se AGORA MESMO em nossa newsletter e receba mais artigos como este! É só clicar no box abaixo.

RECEBA CONTEÚDO EXCLUSIVO NO SEU EMAIL (GRÁTIS)

Inscreva-se gratuitamente e receba as Principais Notícias do Mercado no seu e-mail toda semana!

Mais Lidas

Confira outros conteúdos:

Artboard 2 copy 2

O Ecommerce de Sucesso é um portal de informações sobre o Mercado de Ecommerce. Aqui são abordadas notícias e informações sobre os assuntos Economia, Marketing, Comércio Eletrônico, Varejo, Negócios, Mercados, Política e Tecnologia. Conteúdo independente interpretado com a visão dos nossos especialistas.

ECOMMERCE DE SUCESSO © 2020.