Amazon Anuncia Quatro Serviços Inéditos Para os Sellers

Última atualização em 6 de outubro de 2021 por Felipe Vannucci

A Amazon está definitivamente disposta a expandir as operações no Brasil. A varejista anunciou nesta quarta-feira (6) o lançamento do programa de logística Delivery By Amazon (DBA) e mais três serviços para os sellers do marketplace.

As informações foram dadas por Ricardo Garrido, diretor de marketplace da Amazon Brasil, durante apresentação no Amazon Conecta, evento da companhia voltado para pequenas e médias empresas.

amazon
(Imagem: Kevin Mohatt/Reuters)

Delivery By Amazon Reduz Custo do Frete Para os Parceiros 

O Delivery By Amazon foi o destaque dos momentos iniciais do primeiro dia do evento. Segundo o diretor de marketplace da companhia, o novo programa de logística tornará ainda mais prático o processo de entrega dos itens vendidos por parceiros…

Na prática, assim que uma venda for feita, a Amazon fará o cálculo do frete para o envio do produto. Assim, o seller precisa apenas retirar a etiqueta do envio e preparar o item para o despacho. No dia seguinte, uma transportadora associada à varejista fará a retirada do e seguirá para a entrega até o endereço do comprador.

Dessa forma, a companhia fica responsável por todo o processo de logística, incluindo logística reversa e de relacionamento com o cliente. Ou seja, o parceiro não precisa se preocupar com o envio e acaba ganhando mais tempo para se dedicar às tarefas de rotina do seu negócio.

amazon
(Imagem: Amazon Conecta)

Sobre a chegada do Delivery By Amazon, Garrido explica aos parceiros a como aderir ao novo serviço:

Estamos muito felizes com o lançamento do Delivery By Amazon. Como vocês viram, é super fácil entrar no DBA. Basta acessar venda.amazon.com.br, clicar na aba Cresça seu negócio e você vai encontrar os programas novos e um espaço para deixar o contato para aderir a eles nos próximos dias”, afirma o executivo.

Vale destacar que o DBA estará disponível em São Paulo nas primeiras semanas, porém, a companhia tem planos de expandi-lo para todo o país até o final do ano.

Outro destaque do Amazon Conecta em relação à logística é o Programa de Vendas Internacionais. O serviço permite que os vendedores do Brasil comercializem produtos para mais de 20 países com atuação da varejista

Até então, a participação neste programa depende de convite, mas a companhia vai permitir o cadastro a todos os sellers interessados em breve. Com o serviço, o vendedor não precisa ter conta no exterior e, com o próprio acesso à página da Amazon Brasil, pode vender produtos na Amazon EUA, por exemplo.

Além de tudo isso, será possível optar por participar dos programas de logísticas internacionais, que vai permitir que produtos sejam estocados nos centros de distribuição do exterior, com direito à entrega gratuita e rápida para os clientes do Prime.

Segundo Garrido, “a ideia é que seja tão fácil vender lá fora quanto é fácil vender na Amazon Brasil, sem precisar ser um expert em comércio no exterior”.

Mas não para por aí…

A companhia também está implementando outros serviços para os vendedores do marketplace: um programa de recompensa e a expansão do serviço de fulfillment

Amazon Divulga Mais Dois Programas aos Sellers

A outra iniciativa anunciada pela varejista é o Programa de Recompensa do Vendedor, que premia em dinheiro os sellers que participarem de ações que façam o negócio crescer. Por exemplo:

  • Adicionar produtos de alta procura;
  • Aderir a algum programa de logística da Amazon;
  • Reduzir o tempo de manuseio antes da entrega.

De acordo com o diretor de marketplace, as recompensas variam de R$ 6 e R$ 300 e os vendedores podem resgatá-las nas contas digitais da Amazon. E cada uma dessas medidas se convertem em mais negócios e crescimento para os parceiros…

Por fim, a companhia também divulga a expansão do principal programa de logística Fulfillment By Amazon (FBA). Esse programa possibilita a estocagem de produtos no centro de distribuição exclusivo para parceiros do FBA, localizado em Cajamar em São Paulo inaugurado em maio deste ano

amazon
(Imagem: Amazon Conecta)

Sobre o FBA, Garrido detalha como funciona a operação da Amazon nesse sentido:

A gente retira um volume de produto da loja ou centro do seller e estoca no nosso centro de distribuição. A partir desse momento, quando uma venda é feita tudo funciona como se fosse uma operação de varejo da própria Amazon,” conta o diretor.

No programa, a varejista se responsabiliza pelo manuseio, entrega e ainda garante o selo do Prime para os produtos. Os itens são entregues gratuitamente para todos os assinantes do Prime em até 2 dias para mais de 70 cidades do país.

Sendo assim, a Amazon, que inaugurou mais um centro de distribuição no Brasil esta semana, acaba implementando mais medidas estratégicas que tornam o marketplace ainda mais atrativo aos sellers, sejam iniciantes ou não.

Fora o fato de que as novas ações também podem elevar o volume de parceiros da gigante varejista, algo cada vez mais importante para as companhias do setor. 

RECEBA CONTEÚDO EXCLUSIVO NO SEU EMAIL (GRÁTIS)

Inscreva-se gratuitamente e receba as Principais Notícias do Mercado no seu e-mail toda semana!

Mais Lidas

Confira outros conteúdos:

Artboard 2 copy 2

O Ecommerce de Sucesso é um portal de informações sobre o Mercado de Ecommerce. Aqui são abordadas notícias e informações sobre os assuntos Economia, Marketing, Comércio Eletrônico, Varejo, Negócios, Mercados, Política e Tecnologia. Conteúdo independente interpretado com a visão dos nossos especialistas.

ECOMMERCE DE SUCESSO © 2020.